"O mais corajoso dos atos ainda é pensar com a própria cabeça"

02/07/2016

Gosto de ficar sozinha. Não sou “antissocial”, muito menos odeio as pessoas, eu apenas combino comigo mesma. Sem contar que sempre gostei da minha “solidão”, da minha "bagunça", do meu quarto vazio. Por mais estranho que isso seja, faz me um bem enorme.

1 comentário: