"O mais corajoso dos atos ainda é pensar com a própria cabeça"

29/05/2016

Tinha amigos que moram mesmo ao lado da minha casa, pessoas que já viveram histórias comigo e agora passam e apenas dão um bom dia sem qualquer tipo de saudade escondido atrás dessas palavras. É tudo verdade quando dizem que ao longo da vida perdemos amizades, não importa o quão boas elas sejam ou o quanto eu me esforço para evitar que isso aconteça, irá acontecer. Falta de tempo, mudanças, discussões, enfim, inúmeras razões que levam essas perdas.
Hoje sei que não é a distância que separa as pessoas, mas sim a frieza, a falta de diálogo, a falta de atenção, a indiferença, o tanto faz. Isso sim forma abismos entre pessoas.

4 comentários:

  1. Bem verdade, sei o que isso é. Mas na vida está sempre a entrar e sair pessoas. Só as que são de verdade, vão ficando.

    ResponderEliminar
  2. Faço das palavras da Ellie as minhas. Ao longo dos anos perdemos amigos. Porém entram outros na nossa vida, sobretudo quando menos esperamos. As pessoas mudam, as memórias não. ;)

    ResponderEliminar
  3. Aí está uma verdade! Custa-me a admitir isso, mas é verdade... Ficam as memórias :)

    ResponderEliminar
  4. Isto é tão verdade... Infelizmente!

    ResponderEliminar